sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Marcos Sabino

Marcos Sabino nasceu em Niterói/RJ em 27 de janeiro de 1950.

Marcos Sabino
O cantor e compositor niteroiense Marcos Sabino estudou violão no conservatório de Música de Niterói com Luiz Gonzaga da Silva (1976)e teoria musical e vocalização na Escola de Música Villa-Lobos, no Rio de Janeiro (1979). Foi idealizador do movimento “Niterói vai sumir” (1977/78).

Marcos Sabino
Ainda adolescente, formou uma banda de rock (Os Inocentes) e depois foi tocar em bailes e em festivais estudantis no interior do Rio e de Minas Gerais, ganhando o primeiro lugar no festival de Miracema, em 1978, com a música "Esperança" (Salu). Conquistou ainda o primeiro lugar na categoria mehor intérprete no Festival de Campinas (1980) e foi vencedor do Festival do Rio Grande do Sul (1980).

Integrou o grupo “Antares” (1975) e o grupo “O Circo” (1978).


Marcos Sabino / anos 80
Foi em 1982, aos 23 anos, que Marcos Sabino fez seu primeiro hit, "Reluz", que dava nome ao LP e que vendeu mais de 550 mil cópias. Apoiado no refrão da música "Brilha no céu de novo uma estrela/ Soltando a luz que reluz seu olhar", Marcos se projetou nacionalmente e recebeu, por este trabalho, Discos de Ouro e Platina.

Marcos Sabino em show no movimento "Niterói Vai Sumir" / 1978
Em 1983, lançou o álbum “Iluminar”, também pela Polygram (atual Universal Music), que conquistou Disco de Ouro com mais de 100 mil cópias vendidas. No repertório estavam músicas como "De Qualquer Maneira (sabe...)", dele em parceria com Dalto; e "Na Mira do Olhar", dele, Wania Andrade e Solange Böeke.

Marcos Sabino
Em 1985, já na Som Livre, lançou “Simples Situação”, com as músicas "Tudo Por Amor" e "A Luz do Seu Olhar", duas composições em dobradinha com Cláudio Rabello.

Em 1989, saiu pela RGE “Romance e Prazer”, quarto álbum do artista, que tinha no repertório "Adoro", de Marcos Sabino, Paulinho Lima e Dalto; e "Meia-noite Baby", parceria dele com Dalto. No ano seguinte, na mesma gravadora, lançou “Românticas de Marcos Sabino”.


Marcos Sabino
Em 1995, já na Universal, lançou o CD “Canções de Amor” e, em 2002, produziu em seu estúdio, “Reluz”, o CD independente “Bicho Grilo”. Em 2005, pelo selo Reluz, lançou o álbum “Marcos Sabino”, com músicas inéditas e também algumas regravações, incluindo seu maior sucesso "Reluz".

Marcos Sabino no programa Rei Majestade / 2006
Algumas composições suas fizeram sucesso nas vozes de cantores como Leonardo, Fábio Jr, Fanzine, Dalto, Asa de Águia, Fat Family, The Fevers, Simony, Jerry Adriani, Harmonia do Samba, Pepê e Neném. Outras canções, que integraram trilhas sonoras de novelas da TV Globo são "Sabe" ("Pão pão, beijo beijo"), "Dança das horas" ("Ti-ti-ti"), "Adoro", ("Bebê a bordo") e "História de amor" (da novela homônima).

Em 2007 apresentou-se no programa Rei Majestade, sob o comando de Sílvio Santos.

Marcos Sabino
No intervalo entre um lançamento e outro, Marcos Sabino dedica-se à criação de jingles, composições e produção de CDs para as gravadoras EMI, Universal MCA, Indie e Niterói Discos, entre outras.

Continua mantendo uma agenda de shows e é atualmente o presidente da Fundação de Artes de Niterói - FAN.



                                                                   Marcos Sabino - "Na Mira do Olhar" - Cassino do Chacrinha / 1983


                                                                  Marcos Sabino - "Dança das Horas" - Fantástico / Anos 80


                                                              Marcos Sabino - "Reluz" - Programa Rei Majestade / 2007


                                                            Marcos Sabino - "Planeta Água" - Programa Rei Majestade / 2007


2 comentários:

  1. Reluz e Correnteza musicas lindas de Marcos Sabino

    ResponderExcluir
  2. Geralmente cantor sumido da mídia continua trabalhando com música, porém mais na produção e composição do que na interpretação. É o caso de Marcos Sabino, Moris Albert e muitos outros.

    ResponderExcluir