sábado, 1 de dezembro de 2012

Ronnie Von

Ronaldo Lindenberg von Schilgem Cintra Nogueira (Ronnie Von) nasceu na cidade de Niterói/RJ em 17 de julho de 1944.

Em 1960 prestou exame para a Escola Preparatória de Cadetes do Ar de Barbacena, tinha 15 anos e entrou em 72º lugar, entre 4000 candidatos, onde apenas 240 foram aprovados.



Ronnie Von
Aos 17 anos de idade fez seu primeiro vôo, sozinho em um Folker T-21, um dos dias mais emocionantes de sua vida.

Ser piloto não era o seu destino, então saiu da escola da aeronáutica e foi para a faculdade de economia onde passou a estudar a noite e durante o dia a trabalhar com seu tio que administrava empresas que operavam no mercado de capitais.



Ronnie Von
Sua carreira como cantor começou no bar O Beco das Garrafas, onde foi descoberto por João Araújo, enquanto dava uma canja. A primeira gravação foi um fenômeno e na mesma época, Hebe Camargo lhe deu o apelido pelo qual é conhecido até hoje, Príncipe.

Começou sua carreira na época da Jovem Guarda, obtendo grande sucesso com as canções “A Praça” (de autoria de Carlos Imperial) e “Meu bem” (uma versão em português do próprio Ronnie para a música “Girl” dos Beatles).

Em 1966, teve a primeira oportunidade como apresentador na TV Record, comandando o programa O Pequeno Mundo de Ronnie Von, no qual interpretava um personagem baseado no livro “O pequeno príncipe”, herói da literatura infantil. O programa abria as portas para novos talentos e Ronnie Von lançou muita gente, como Os Mutantes, Eduardo Araújo, Os Vips, Martinha, Jerry Adriani e o pessoal da Tropicália, especialmente Gal Costa.
Apresentar programas de TV passou a ser mais uma vertente em sua carreira de artista. A princípio com programas musicais e talking shows.
No final da década de 60, Ronnie gravou três discos que são verdadeiras relíquias na história da música brasileira. Abusando da psicodelia, muito influenciado por Beatles e antenado com o rock feito na época, Ronnie Von grava um disco homônimo, o “A Misteriosa Luta do Reino de Parassempre contra o império de Nuncamais” e “A Máquina Voadora”. Por contar com o desapontamento da gravadora, que na época acreditou que os discos não eram comerciais, fizeram pouco sucesso à época. Hoje, são comprados por pequenas fortunas por colecionadores.
Nos anos 70 voltaria a fazer sucesso na televisão. Além de apresentar um programa de auditório na TV Tupi, fez a novela “Cinderela 77”.



Ronnie Von
Em 1984 casou-se com a atriz Bia Seidl, de quem logo se separaria.
Suas experiências como pai e mãe resultaram no livro “Mãe de Gravata” e a idéia de apresentar um programa feminino veio através de um amigo, Washington Olivetto.

Definindo-se como um metrossexual, nos últimos anos começou a apresentar programas dirigidos ao público feminino, contando com a participação da sua atual esposa Cristina, que o conhecia desde a infância. Na CNT, comandou o “Mãe de Gravata”.



Ronnie Von
Hoje, ele apresenta o programa diário “Todo Seu”, na Rede Gazeta de Televisão, com 2 horas de duração. O segredo do sucesso é fazer um programa voltado para o mundo das mulheres, com um toque masculino.

Em março de 2007 foi lançado na internet um tributo independente dedicado à fase psicodélica da obra do cantor, Tudo de Novo - Tributo a Ronnie Von. A homenagem virtual contou com 30 bandas de todo o Brasil.



2012
Vencer a barreira do tempo e garantir espaço na mídia é uma árdua tarefa para os artistas, mas Ronnie Von e seus mil talentos, provam que os 38 anos passados desde o início da carreira serviram para aprender a superar as adversidades e crescer como profissional e como pessoa passível de erros e acertos.

Fonte: Wikipédia e Site Oficial do cantor.


                                                             
                                                                      Ronnie Von - "A Praça" no Programa do Bronco - TV Record / 1967



                                                              
                                                                          Ronnie Von - "Pra Conversar" / 1987



                                                                                           Ronnie Von - "Cachoeira" - Cassino do Chacrinha / 1983



2 comentários:

  1. Só que ele,de modo algum,lançou Jerry Adriani e muito menos Eduardo Araújo,pois eles já eram cantores da Jovem Guarda,junto com Roberto Carlos.
    Gosto muito do Ronnie Von.

    ResponderExcluir