sábado, 1 de dezembro de 2012

Markinhos Moura

O cantor Marcus Antônio Sampaio Moura, mais conhecido como Markinhos Moura, nasceu em Fortaleza, em 13 de junho.


Markinhos Moura
Iniciou sua carreira artística em Fortaleza, como ator, protagonizando musicais como "Os Saltimbancos" e o "Reino da Liminúria". Logo, Markinhos Moura foi convidado a participar, como atração fixa, no programa de televisão Augusto Borges, líder de audiência regional. Lá, interpretava canções que eram sucesso na voz de Elis Regina, Milton Nascimento, Caetano Veloso e Ney Matogrosso.

Em 1980, Markinhos Moura mudou-se para o Rio de Janeiro. Em 1983, começou a carreira artística como cantor.

Em 1986, gravou seu maior sucesso, "Meu Mel". Em 1990, lançou pela PolyGram o LP "Sem Pudor", que causou bastante polêmica pois o cantor aparecia seminu na capa. No ano seguinte sua carreira entrou em decadência e o cantor saiu do Brasil. Viajou pelo Japão, China e Estados Unidos apresentando-se em bares e participando de shows de samba.


Markinhos Moura - 1990
Em 2001, Markinhos Moura retornou ao Brasil e regravou "Meu Mel" para o disco "Acústico Brasil".

Markinhos Moura atualmente reside em São Paulo.

Em janeiro de 2009, Markinhos Moura fez um show em homenagem a cantora Elis Regina.

Certa vez, de passagem por Fortaleza para cumprir roteiro de shows, Elis Regina recebeu no camarim a visita de um fã muito especial, que mesmo sendo uma criança, não resistiu a emoção e ficou estático sem conseguir mover um dedo. Aos poucos começou a tremer diante daquela que era a sua maior referência artística. Naquele dia duas coisas impressionaram o fã adolescente, o porte elegante de Elis e o enorme óculos que Maria Rita ostentava no rosto de menina. O fã era o cearense Markinhos Moura, que ganhou de presente da professora o ingresso para o show. O mesmo fã que não conseguiu falar com sua estrela no camarim, surgiu para o Brasil, sendo lançado no programa de maior prestígio da televisão brasileira, o dominical Fantástico, cantando exatamente como Elis Regina. Para espanto geral da nação quando o clipe teve início na tela, teve gente em casa jurando que era Elis Regina reencarnada. Na segunda-deira seguinte o cantor foi o principal assunto no Brasil, devido a semelhança da voz. Cinco anos depois da estreia no Fantástico, ele estourou no Brasil inteiro com a balada romântica Meu Mel, uma das músicas mais tocadas de 1987, e um quase hino oficial dos anos 80.


Markinhos Moura - 2005
Para homenagear sua cantora preferida, Markinhos Moura lançou, em 2009, seu primeiro DVD, dirigido por Thiago Marques Luiz, com produção da VZ Multimídia. O cantor interpreta 14 músicas já famosas na interpretação de Elis. “Ponta de Areia”, “Casa no Campo”, “O Corsário”, “O Bébado e a Equilibrista”, “Upa Neguinho”, “Como Nossos Pais” e muitas outras que o blog recomenda como artigo de luxo para os ouvidos exigentes. O show foi gravado no dia 7 de março de 2008 no Teatro Municipal de Mauá, em São Paulo e contou com a participação especial do showman Miele, que além de admirador do trabalho de Markinhos Moura, era amigo e parceiro artístico de Elis Regina.

Com Miele
A indiferença por parte dos filhos da cantora em relação as negativas aos inúmeros convites para o show, reverberam até hoje nas palavras de lamento do cantor, que não entendeu a atitude, mas também não esmoreceu diante do trabalho. “Por várias vezes convidamos eles via gravadora Trama, nunca nos responderam. É um show homenagem mas com a minha forma de cantar, deixo bem claro que ali não existe um artista querendo ser Elis. Ali está um artista que homenageia sua musa, aquela que ensinou-lhe a cantar e que levou-lhe a descobrir que queria mesmo ser artista. Não sei o que eles pensam, pois nunca se pronunciaram. É uma pena pois é um show lindo, com qualidade e tratamento que Elis merece”. Para o escritor jornalista e historiador Paulo César de Araújo, autor da biografia censurada de Roberto Carlos, Elis Regina só cresce com esta homenagem.“Sensacional! Gosto de Markinhos Moura, é um cantor de voz sensual e envolvente. A sua gravação de "Meu Mel" é uma das mais lindas da nossa música popular nos anos 80. Acredito que este tributo a Elis Regina só vai dignificar ainda mais a cantora”.

Fontes Sites Wikipedia, Extra Globo, Dicionário da MPB.
´


                                                                                 Markinhos Moura - "Anjo Azul" - Cassino do Chacrinha / 1987



                                                                                      Markinhos Moura - "Ultimo Pau de Arara"


                                                                          
                                                                              Markinhos Moura - "Tente Outra Vez"


Um comentário:

  1. Adoro demais!!!
    Cantores como este, jamais deveria se esqueçer..

    ResponderExcluir